SEO, SEM e SMM: por que aplicá-los nas estratégias de marketing?

O mundo do marketing digital é repleto de siglas e abreviações. Entre elas, o conceito de SEO talvez seja o mais conhecido. A técnica para melhorar o posicionamento de uma página nos resultados de buscas é uma parte importante das estratégias de marketing digital.

Mas, além do SEO, muito se fala também em SEM e SMM. Afinal, qual a diferença entre elas e quando utilizar cada uma? Confira agora mesmo tudo que você precisa saber sobre essas siglas.

O que é SEO?

SEO é um acrônimo para Search Engine Optimization ou, em português, otimização para mecanismos de busca. O objetivo dessa estratégia é melhorar o posicionamento de uma página nas ferramentas de busca, principalmente o Google, mas também Bing, Yahoo etc.

Os mecanismos de busca levam em conta diversas características para ranquear as páginas nos resultados gratuitos, chamados de orgânicos. As palavras-chave são o ponto de partida, mas também são levados em conta outros critérios como tamanho do conteúdo, frequência de atualização do site, relevância do texto, quantidade de links — externos e internos — e muitos outros.

O que é SEM?

SEM é a sigla para Search Engine Marketing, ou seja, marketing para mecanismos de busca. É o marketing que trabalha para otimizar a posição de sites e blogs nos buscadores.

Além de utilizar o SEO para gerar tráfego orgânico, o SEM também trabalha com as mídias pagas. Os Links Patrocinados e a Rede de Display do Google são exemplos de ferramentas que podem ser usadas em uma estratégia de SEM.

O que é SMM?

SMM é a abreviação para Social Media Marketing — marketing em mídias sociais. De maneira semelhante ao SEM, o SMM é um conjunto de ações de marketing para aumentar a visibilidade de uma empresa na internet. No entanto, como o nome sugere, o pano de fundo do SMM são as redes sociais em vez dos mecanismos de busca.

O marketing em mídias sociais engloba planejamento, execução, medição de resultados e tudo que envolve as páginas da empresa nas redes sociais. O objetivo é atrair mais visitantes, comentários, curtidas e compartilhamentos, o que aumenta o alcance da marca e atrai mais leads.

Por que aplicá-los nas estratégias de marketing?

As ferramentas de busca — em especial o Google — e as redes sociais — com destaque para o Facebook — são, sem dúvida, as melhores fontes de leads qualificados. Quem busca uma palavra-chave relacionada ao seu negócio já demonstra estar interessado no que você tem a oferecer.

O Google é uma poderosa ferramenta de ligação entre clientes e negócios, e estar presente na primeira página é uma excelente maneira de atingir o seu público-alvo. Mas, para isso, nem sempre o tráfego orgânico é suficiente. A boa notícia é que os anúncios pagos do Google podem ser baratos e muito acessíveis.

Já as redes sociais se tornaram a principal fonte de informação para muitas pessoas. O alcance dos posts é ilimitado e manter bons índices de interação nessas redes pode render muitos leads e, consequentemente, clientes e vendas.

Com tudo isso, ficou fácil perceber que SEO, SEM e SMM são fundamentais em estratégias de marketing bem-sucedidas. A união entre bom posicionamento no Google e boa reputação nas redes sociais tem tudo para render bons frutos e atrair muitos clientes.

E você, quer acompanhar as melhores informações sobre comunicação e marketing digital? Então, curta nossa página no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece no blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This