Lista de e-mails: 5 dicas práticas para organizar a sua

Lista de e-mails: 5 dicas práticas para organizar a sua

Possuir uma lista de e-mails completa e organizada é uma excelente maneira de estabelecer um relacionamento com o seu público por meio da comunicação pessoal e direcionada.

Contudo, algumas empresas ainda não apostam nessa segmentação e utilizam uma única lista, sem nenhum tipo de separação. Esse simples erro pode minar a sua estratégia de nutrição de leads e, consequentemente, a captação e fidelização de clientes.

Por isso, neste post vamos mostrar como organizar esse processo e segmentar sua comunicação de uma maneira mais eficiente. Com as dicas abaixo você será capaz de captar mais assinantes para enriquecer sua própria lista de e-mails e estruturá-la de modo mais ordenado. Vamos lá?

1. Escolha uma boa ferramenta

A ferramenta básica para organização de listas de e-mails ainda é o Excel ou similar. No entanto, ferramentas de envio de e-mail marketing como o MailChimp ou Aweber podem auxiliar você a segmentar suas listas, pois geram dados como taxa de cliques, taxa de abertura, entre outros.

2. Trabalhe apenas com contatos interessados

Certifique-se de que as pessoas que solicitaram remoção de sua lista sejam realmente excluídas, pois caso isso não seja feito sua empresa pode passar uma impressão ruim, de desrespeito. Além disso, o interesse da empresa é falar apenas com quem quer ouvir ou, nesse caso, ler.

3. Segmente os seus contatos

Faça diferentes listas de e-mails de acordo com os grupos de contatos. Você pode buscar segmentar por diferentes aspectos, como data de cadastramento, sexo, histórico de aberturas de e-mail, entre outras particularidades de seu mercado.

Lembre-se de separar de acordo com a jornada do cliente, por exemplo: seus clientes em uma lista e os assinantes de newsletter em outra.

Separar contatos em grupos de interesse, similaridade ou comportamento é uma forma eficiente de segmentar o conteúdo a ser enviado e ter mais assertividade na comunicação.

4. Consiga mais assinantes oferecendo uma oferta relevante

Para conseguir mais assinantes é preciso oferecer algo que gere valor agregado em troca de um contato. As pessoas têm aversão a spam e não gostam de fornecer seu e-mail se não acreditarem que vale a pena.

A ideia aqui é oferecer e-books, cursos, webinars e conteúdos em diferentes formatos de maneira a atrair e despertar o interesse de seu público-alvo.

5. Invista em uma página de captura

As landing pages são feitas para gerar mais conversões, pois diferentemente de um site, elas tratam apenas de um assunto e têm o objetivo de guiar o usuário até ele se transformar em um lead por meio de alguma ação.

Use a página de captura para ajudar na conversão e aumento desses leads que irão integrar sua lista de e-mails.

Organizar a lista de e-mails é garantir mais chances de conseguir bons resultados em suas campanhas de e-mail marketing, uma vez que sua mensagem será organizada, direcionada e personalizada.

Você gostou dessas dicas sobre como organizar sua lista de e-mails? Então, aproveite para seguir as nossas páginas nas redes sociais e acompanhar as nossas atualizações: estamos no Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn e Pinterest.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This